PROPOSTA DE APRESENTAÇÃO DAS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS PELOS CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO ECONÔMICA E A PREÇOS DE MERCADO

Clóvis Luis Padoveze

Resumo


O valor da empresa é a base do processo de gestão empresarial, uma vez que qualquer empreendimento, além de cumprir sua missão social,  tem como objetivo a criação de valor econômico, ou seja, a obtenção do lucro que permita o retorno do investimento. O valor da empresa, que é o valor pelo qual ela pode ser negociada entre os investidores, decorre do processo de sustentabilidade ou não de obtenção de lucro. A contabilidade financeira evidencia o valor da empresa por meio da figura do patrimônio líquido que, por sua vez, decorre dos critérios de avaliação de ativos e passivos, segundo as práticas contábeis vigentes. Estas, por sua vez, têm como referência os dados dos eventos econômicos já acontecidos, primariamente reconhecidos, monetariamente ao custo como base de valor. Contudo, num processo de negociação de venda de empresas, o valor apresentado nas demonstrações contábeis tradicionais raramente é a base de valor para a negociação. Os empresários e investidores estão focando o futuro da empresa, sua capacidade de geração de lucro e caixa, e não o passado da empresa. Assim, os critérios de avaliação a preços de mercado e o valor econômico são os efetivamente utilizados nas negociações de compra e venda de empresas. Este artigo objetiva propor uma alternativa de evidenciação das demonstrações contábeis, adicionando complementarmente ao formato tradicional de evidenciação das demonstrações contábeis básicas, os valores obtidos pelos critérios de valor econômico, advindos do fluxo de caixa descontado, e do valor de mercado. 


Texto completo:

VER EM PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.